Sexta-feira, 2 de Janeiro de 2009

Família, sentimentos e ...

Não sou muito de falar sobre a minha família...Na realidade, há momentos que eu gosto de pensar que é tudo perfeito e imagino-me um pouco como nas histórias com finais felizes, com sorrissos e lágrimas de alegria.

Mas não; hoje apetece-me deitar tudo cá para fora, dizer-lhes que não gosto que discutam todos os dias, que preciso de atenção e que para eu ser feliz não basta ter só boas notas: preciso também de estabilidade emocional e familiar.

Será que ainda ninguém compreendeu isto?

Será que ninguém ainda percebeu que me sinto sozinha e estou fartíssima de discussões sem sentido, de problemas com dinheiro, de controlo?

 

Apesar da minha família não ser propriamente o retrato de "família feliz" este fim de semana (não sei como) consegui autorização para ir amanha a uma festa de aniversário de uma amiga minha (almoço e cinema) e no Domingo ir a um churrasco na casa de um amigo do C. Nem tudo pode ser mau ^^

Sinto-me:
Música: "Olha quem dança"
Publicado por Ritynhaa às 22:01

Link do post | Comenta! | Fazer parte dos teus favoritos =)
7 comentários:
De Ana Sofia a 2 de Janeiro de 2009 às 23:01
Acho que todas as famílias passam por essa fase :O
Beijinho
De A. a 2 de Janeiro de 2009 às 23:58
Nem tudo foi mau, pensa positivo! =D
Não te posso dar nenhum conselho em concreto porque tenho noção que a minha família é uma família bastante aceitável, discussões normalmente só existem comigo (e agora vão sendo cada vez menos, felizmente), problemas de dinheiro e de controlo também desapareceram, felizmente!
***
De Joαηα a 3 de Janeiro de 2009 às 10:45
Pelo que costumo observar por esta blogosfera fora, é uma fase pela qual todas/os passamos.
Beijinho. *
De Borboleta a 4 de Janeiro de 2009 às 15:48
Vais ver que isso é só uma fase má... =) Daqui a nada já está tudo bem outra vez! (Já experimentaste falar com os teus pais, dizer-lhes o que sentes?) Beijinhoo**
De Jeanne Marie a 4 de Janeiro de 2009 às 18:58
Acho que as famílias actualmente andam quase todas assim. Mas tal como a Ana Sofia disse, eu também acho que são fases, e que cedo ou tarde há-de passar ^^

*
De Ricardo Alves a 10 de Janeiro de 2009 às 03:59
Querida Amiga Rita,
Este é o meu primeiro comentário ao teu blog. Devo desde já dizer que está bastante interessante. Espero que esteja tudo bem contigo e entre ti e o C. (ele bem que me parece bom rapaz, mas enfim, nada de concreto posso dizer).
Acerca deste post, devo dizer que sei perfeitamente (e quando digo perfeitamente, é no sentido literário) pelo que passas. Também eu passo por isso e também eu já passei por coisas horrendas às mãos de mais uma ,entre tantas outras, tragédia de família.
Mas devo dizer-te que o importante é não nos sentirmos impotentes por isso. Não nos façamos fracos por passarmos por isto.
O que eu faço é levantar a cabeça, pensar em grande (de facto, pensar que sou maior que tudo isto) e pensar em enfrentar a vida, pois dela não devemos ter medo, caso contrário não a vivemos, apenas nela sobrevivemos.Tenho dias em que crio pudor de vê-los a todos, respondo com 7 pedras na mão, não tenho paciência alguma, gozo com eles... vai resultando.... Em suma, vou esticando a corda.
Obviamente não te quero a fazer algo semelhante...o que te quero dizer é que não te deixes abater, antes pelo contrário, faz das tuas fraquezas os teus pontos fortes, ergue-te e enfrenta a vida....à tua própria maneira... De certo acharás a melhor maneira de todos ficarem bem. Às vezes, somos obrigados a ser o que os nossos pais por vezes nos chamam :egoístas. O grande medo deles é perderem-nos...é por isso que nos prendem, para que não fujamos. Mas a vida é assim...Os animais selvagens também o fazem, pois não há cria que nasça com os progenitores e morra com eles.Há sempre uma separação, por muito mais tardia que seja.

O importante é ser forte, Rita.... acima de tudo, não fraquejar. Pois é na nossa fraqueza que os outros encontram a sua força.

Beijinhos e parabéns pelo blog e por todo o teu trabalho, inclusivé as notas que fizeste o obséquio de publicar. Continua assim

Ricardo Alves
De MárciaB. a 18 de Janeiro de 2009 às 23:11
Sei muito bem o que é isso, a minha familia anda assim ultimamente :/

Mas é bom pensar que é só uma fase *.*

Sê forte, vais ver que ajuda e que vai tudo acabar por passar (:

Bjoca ^^

Comentar post

Sobre mim =)

Pesquisar neste blog

 

Janeiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
20
21
23
24
25
26
27
28
31

Arquivo

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

101 coisas em 1001 dias ^^

Lista

Links

blogs SAPO