Sexta-feira, 9 de Janeiro de 2009

Opinião Pessoal

...

Acham que a maioria dos jovens ainda é racista/ainda discrimina o que é diferente?

 

 

Sim, eu acho que sim. Sinceramente, acho que eu não me importo muito com a cor da pele, com os olhos em bico, com imigrantes. Sim, ás vezes fico mais espantada por ver um casal gay a beijar-se ou uma rapariga/rapaz com um estilo completamente diferente, mas isso é porque não são coisas que vejo todos os dias e não estou habituada. Mas não, não os discrimino.

O que é diferente é mau? Não sei. Conheço muitas pessoas que pensam que são superiores, são brancas, são portuguesas e são más. Conheço pessoas pretas, brasileiras, ucranianas que são pessoas que eu não tenho a mínima queixa. Também conheço o contrário.

Acho que o que nós somos não tem nada a ver com a cor da pele, com a língua que falamos, com o facto de sermos imigrantes ou não, com as escolhas íntimas que fazemos. Se respeito? Tanto quanto me respeitam a mim. Aliás, talvez mais, porque não sei se seria eu que conseguia mudar para um país diferente do meu e levar "tudo numa boa" (ou fingir que levava) quando me colocavam de lado. Não sei se seria eu que admitiria que tinha uma opção sexual/uma opção de vida diferente do comum.

 

E se há coisa que eu acho estúpida é porem de lado pessoas só porque não são “iguais” a nós.

Todos temos um cérebro, uma boca, pés, mãos, braços...

 

A única coisa que nos separa são preconceitos estúpidos e sem sentido.

 

 

 

Publicado por Ritynhaa às 21:28

Link do post | Comenta! | Fazer parte dos teus favoritos =)
17 comentários:
De Ana Sofia a 9 de Janeiro de 2009 às 23:04
Sem dúvida...Mesmo que digam que não são, só para serem politicamente correctos, depois no dia-a-dia notam-se pequenos promenores...
Felizmente cresci numa família que não é racista, aliás, um traço físico meu até indica que provavelmente tenho ascendência africana ( isto disse-me uma senhora mulata que tinha um café ao pé da minha escola lol ).
Beijinho
De TamC a 9 de Janeiro de 2009 às 23:09
ainda k nao admitam, grande parte ainda é... =S
De menina sonhadora a 9 de Janeiro de 2009 às 23:20
nao
De cerejinha** a 10 de Janeiro de 2009 às 13:43
eu acho que sim.. e sinceramente acho que isso nunc a vai acabar, eu sou negra e graças adeus ja n lido tanto com isso.. mas houve uns tempos em que era horrivel.
Mas acho que os jovens se deviam mentalizar de que somos todos iguais independentemente da cor
De Ritinha ^^ a 10 de Janeiro de 2009 às 14:02
Concordo com elas . Mesmo que digam que não são , lá no fundo ainda são . Pelos comentários , pelos olhares , pelas atitudes para com os outros . Infelizmente , mesmo que tentemos mudar isso , vai ser, quase, impossível . Haverá sempre alguém que será racista e assim sendo , nunca iremos conseguir mudar as mentalidades da nossa sociedade . É triste , porque ambos sabemos que somos todos iguais , a única coisa que muda é o tom da pele , porque por dentro todos somos iguais , todos temos coração , pulmões , nariz , boca , olhos , mãos , orelhas ; todos temos choramos , rimos , pulamos , brigamos . Vamos discrimir os outros por não serem do mesmo tom da pele que nós? Eu sinceramente até tenho pena de ser tão branca , quando chega o Verão , se não meto protector pareço uma lagosta , e as pessoas molatas , cabritas , ou até mesmo pretas , não ficam , e têm sempre um bronzeado giro --'

Por muito que tentemos , nunca irá mudar .
De Joαηα a 10 de Janeiro de 2009 às 18:02
Pelo que vejo, acho que há mais tendência, neste momento, para discriminar homossexuais ou pessoas com um estilo diferente do habitual, do que para discriminar pessoas de cor diferente. Acho que é algo que a sociedade mais jovem, neste momento, quase que ultrapassou.
Beijinho. *
De Ricardo Alves a 10 de Janeiro de 2009 às 18:48
Infelizmente, Ritinha, por muito que digamos que não, a maioria de nós é racista. Porquê, perguntamos nós. Porque em cada sociedade existe um molde social e tudo o que seja diferente desse molde é considerado estranho. É pena que o ser humano tenha o defeito inato de estranhar a diferença e de não compreendê-la, mas enfim, é a realidade.
Dar a volta ao assunto agora acho que seja muito difícil, pois atitudes não se mudam da noite para o dia e uma atitude destas dimensões (dado que é mundial), cuja história já data de imenso tempo não é fácil de alterar.
Contudo, creio que seja possível...Obviamente tudo dependerá de cada um de nós. Mas para mudar esta linha de pensamento é preciso acabar com os moldes sociais e é aí que está a dificuldade.
No meu caso, qualquer pessoa é tratada da mesma menira desde que me respeite da mesma forma. Se me faltarem ao respeito, aí sim podem crer que discrimino. Mas é uma discriminação por justa causa.

Abolição do racismo é algo bastante difícl, cara amiga, mas não é impossível...O importante é força de vontade.
De Lusitana a 10 de Janeiro de 2009 às 20:56
Eu acho que "lhes mete confusão" certas e determinadas coisas que fogem ao normal.
Apenas isso.
Tb a mim, a todos nós acho que causa uma certa impressao.
Agora, os extremos de racismo e discriminação são, hoje em dia, os menos comuns, e ainda bem.

beijinhos*
De andreiia. a 10 de Janeiro de 2009 às 21:55
Gostava que visitasses, comentasses e divulgasses o meu blog: mydreams_mylife_mystories.blogs.sapo.pt
De Babs a 11 de Janeiro de 2009 às 16:25
O que me irrita mesmo é a discriminação aos deficientes.

As pessoas sao tao estupidas!

Comentar post

Sobre mim =)

Pesquisar neste blog

 

Janeiro 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
20
21
23
24
25
26
27
28
31

Arquivo

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

101 coisas em 1001 dias ^^

Lista

Links

blogs SAPO